ELBR024.jpg
51147014_749016675491589_6222705630279453658_n.jpg
51620472_848234008901889_2523265498597507598_n.jpg
51341655_586373558440602_7673187979161070677_n.jpg
50794044_2188667131217353_7186625656589722136_n.jpg
51217643_118324009259395_6251283645734586129_n.jpg
GALERIA ATUALIZADA DIARIAMENTE! Mais fotos
30
abr 2015
Living on Video, Projetos, TV  •  By  •  0 Comments

A série de David Fincher em que Elizabeth faz parte do elenco, ganhará um novo título. Leia a matéria abaixo:

O Home Box Office Inc. está mudando o nome da série de TV de David Fincher “Living on Video”, por “razões criativas”, mas uma que veio duas semanas após uma banda pop dos anos 1980 com uma canção de mesmo nome lutaram para registrar o nome como marca.

Notícias vazaram em dezembro que o diretor indicado ao Oscar Fincher estava trabalhando em uma nova série de comédia de meia hora de duração, que será sobre a então crescente indústria da música de Los Angeles da década de 1980. Naquele mesmo mês, HBO cadastrou por dois registros de marca sobre o nome.

Que, aparentemente, não agradou Pascal Languirand, o vocalista da banda de synthpop canadense Trans-X. O único hit da banda foi intitulado “Living on Video” – uma faixa lançada em 1983, o mesmo ano em que se passa a série planejada, da HBO.

No início deste mês, Languirand esteve em oposição com o julgamento de Marcas e Conselho de Apelação, pedindo o conselho para bloquear o cadastro da HBO.

“Cadastro é… produzir um programa chamado ‘Living on video,’ exatamente no mesmo ano em que opositor da gravação de ‘Living on Video’ foi sucesso nas rádios americanas”. “Na verdade, a única razão pela qual o candidato está chamando seu programa de televisão de ‘Living on Video’ é para a identificação do que ocorreu em 1980.”

Languirand não tem cadastro, mas alegou direitos comuns com base em anos de uso.

“Desde o início de 1980, a musica tem tocado com freqüência e de forma consistente em ‘rock moderno’ e dança eletrônica e em estações de satélite “, disse o documento. “O uso de Languirand de ‘Living on Video’ ao longo de três décadas criou fortes direitos de propriedade sobre a marca, que são muito superiores aos da recorrente, que não usou a marca em tudo.”

Na segunda-feira, um porta-voz da HBO confirmou ao Law360 que a rede não vai mais fazer o cadastro de marca e que a série vai ser renomeada. O porta-voz disse que ele tinha “nada a ver” com as questões de marcas registradas e foi baseado em “razões criativas.”

O porta-voz da HBO não disse qual será o novo nome da série.

De acordo com o Deadline Hollywood, a série “gira em torno das pessoas envolvidas na estão indústria de sucesso – diretores, executivos de gravadoras e tripulantes, muitos deles usando drogas -. Através dos olhos de um recém-chegado, Robby”. “O personagem principal é “um cara de olhos arregalados sai da faculdade e vai à Hollywood com o sonho de dirigir um épico de ficção científica e consegue um emprego como um PA para uma empresa de video clipes.”

Via

Tradução e adaptação por Elizabeth Lail Brasil – Não reproduza sem os créditos!

Leave a Reply